31
Out 10

Photobucket

 

A penúltima prova do Trial Nort’4x4 Edição 2010 decorreu no dia 31 de Outubro em São João da Madeira, sob organização do Turbo Clube. A intempérie que assolou o local durante a semana antecedente, com fortes chuvas sobre um terreno com pouca vegetação, tornou a pista num autêntico campo de batalha com lama em quase todo o trajecto e com enormes valas e descidas e subidas acentuadas e escorregadias. Um dia de todo-terreno extremo que pôs em prática a resistência física de navegadores; pilotos; viaturas e até de todos os aficionados que fizeram questão de marcar presença. Para todos aqueles para quem estado do tempo não foi impedimento; calçado e roupas impermeáveis eram traje obrigatório num dia em que o vento e chuvas foram uma constante durante quase toda a prova. Apesar do número reduzido de participantes, as equipas presentes fizeram questão de tornar valioso o tempo e o esforço dispendido por todos os que quiseram assistir à quarta prova da competição. Uma pista repleta de lama e água brindou o público com momentos de grande qualidade e que fizeram as delícias de todos os fotógrafos presentes. A primeira equipa a sofrer com o grau de dificuldade da pista foi a Cif-Imóveis, quando aos 40 minutos de prova capotou o Jeep Wrangler numa descida escorregadia e de grande inclinação, vendo-se obrigada a abandonar a prova precocemente. Também a dupla Bruno Fernandes/António Azevedo da Cava-JMF teve que recolher prematuramente às boxes dado o exagerado aquecimento da Toyota Hilux. Com melhor andamento, as equipas Team Paralellu’s; Auto Orlando e Restaurante Pizzaria Refúgio iam deslumbrando com uma condução robusta e eficaz. A equipa de Daniel e Rui Mendes teve, apesar disso, problemas com o tubo do turbo à passagem dos 90 minutos de prova e ainda alguns contra-tempos com o guincho, mas que não foram razões de impedimento para a equipa continuar num excelente registo e terminar a prova na quinta posição. A equipa Ricardo Lourenço/Bruno Ferreira ocupou a quarta posição enquanto que a equipa de Marcelo Mendes/Miguel Veigas ficou na sexta posição. Também com numa prestação de grande qualidade, o Jimmy’s Proto da F-Racing ia dando provas de grande potência e capacidade de ultrapassar cada obstáculo. A equipa seguia com um bom andamento quando, a 40 minutos do fim da prova, partiu o pinhão do grupo cónico, perdendo cerca de 15 minutos nas boxes e vendo-se obrigada a seguir sem tracção traseira. Também potente demonstrava ser o motor do Toyota BJ40 da equipa RS-TT, que se apresentou sempre com um grande agressividade na abordagem a cada novo desafio. Apesar disso, o motor não resistiu à exigente prova, cedendo no final; facto que, de resto, não constituiu entrave para um honroso 2º lugar no pódio. O grande vencedor do dia foi a equipa Stand PJ que, partindo para a prova em primeiro lugar, confirmou o favoritismo alcançando uma merecida vitória que lhe valeu mais 30 pontos e partindo para a última prova da competição em primeiro lugar na classificação geral, a 10 pontos do segundo classificado, RS-TT. A última prova será disputada a 5 de Dezembro em Póvoa de Lanhoso, sob alçada do Clube TT Lanhoso, antevendo-se uma renhida competição.

 

Photobucket
Photobucket

 

Photobucket
Photobucket
Photobucket
Photobucket
Photobucket
Photobucket
Photobucket
Photobucket


 

Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30



mais sobre mim
pesquisar neste blog
 

FarmaceuTTicando

VISITAS